Curadoria by Portugal Faz Bem

Venha conhecer a tradição e o contemporâneo dos lanifícios de Portalegre.

A manufactura da Tapeçaria de Portalegre

 

Roteiro realizado desde Évora, Estremoz, Elvas ou Alter do Chão para visitar a Manufactura das Tapeçarias de Portalegre. Complementa o roteiro a visita ao Museu das Tapeçarias, a antiga corticeira Robinson hoje desactivada, e o Museu José Régio como exemplo de coleção de arte popular do Alentejo.

O programa de 1 dia, tem início nas actuais instalações da Manufactura de Tapeçarias de Portalegre, segue para o Museu e Espaço Robinson, depois dá-se a visita ao Museu José Régio e finalmente ao Museu de Tapeçarias de Portalegre.

PortugalFazBem_TapeçariasdePortalegre.png
3.png

OS LOCAIS DE VISITA

Manufactura de Tapeçarias de Portalegre

Após a primeira tapeçaria criada com o nó de Portalegre em 1942, inventado por Manuel do Carmo Peixinho, a manufactura consolida-se 10 depois pela mão de Guy Fino e Manuel Celestino Peixeiro. A perfeição da técnica fazem com que esta manufactura seja considerada a melhor do mundo para produzir obras de arte originais de grandes artistas, nacionais e internacionais.



Museu e Espaço Robinson

Instalando no antigo convento de São Francisco albergou durante 160 anos a corticeira Robinson, tendo sido transformado em Museu e espaço cultural. Constitui um bom exemplo de equipamento de património industrial em fase de requalificação com uma rica história.

Roteiro Portalegre Portugal faz bem.png
Roteiro Portalegre PortugalFazBem.png

Museu José Régio

A casa onde o poeta José Régio (1901-1969) viveu enquanto foi professor em Portalegre, foi transformada em museu em 1971, por iniciativa da Câmara Municipal. Com o interior inalterado, seguindo o desejo do poeta, apresenta ao público uma rica coleção de arte sacra e popular da região, que foi reunindo ao longo da sua vida.

Museu de Tapeçarias de Portalegre
A criação deste museu deve-se à iniciativa da Câmara Municipal que, em 2001, dotou a cidade de um espaço dedicado à apresentação, conservação e estudo deste singular património artístico. Com doações da manufactura e de outros museus nacionais, complementa a visita à unidade produtiva. Conta com obras de importantes artistas como Julio Pomar, Lima de Freitas, Maria Keil, Vieira da Silva, Almada Negreiros, entre outros.

Roteiro Alentejo Portugal Faz bem .jpeg
Roteiro Portugal Faz bem Portalegre.jpg

Duração: 1 dia


Grupo: até 10 pessoas. Mínimo 6.
Tipologia: Visita de Turismo Industrial, Criativo, Cultural e Patrimonial.
Grau de dificuldade: moderado.

Operador Turístico

Experiências #PortugalFazBem

As nossas Experiências dão a conhecer ao vivo, o que contam as nossas histórias de alma portuguesa.